Feijoada do grupo Colmeia Dourada arrecada recursos para pacientes do Nosso Lar

Feijoada do grupo Colmeia Dourada arrecada recursos para pacientes do Nosso Lar

18/06/2018 0 Por Humberto Marques

Evento chega à sua 17ª edição com o objetivo de auxiliar famílias das pessoas que passam por tratamento para distúrbios mentais na unidade de saúde.

Uma reunião de amigos que resultou em uma corrente de solidariedade em favor do Hospital Nosso Lar. Esta é uma definição que pode ser aplicada ao grupo Colmeia Dourada, que em 24 de junho realiza a 17ª edição da Feijoada que, todos os anos, reverte toda a sua renda para ajudar os pacientes do hospital campo-grandense –voltado para o tratamento e apoio de pacientes com distúrbios mentais.

O evento será realizado na Loja Maçônica Ordem e Progresso das 11h às 14h30, tendo como foco arrecadar recursos que serão convertidos para cobertores e agasalhos para os pacientes do Nosso Lar –que, embora tenha esse nome há mais de 20 anos, ainda é lembrado por muitas pessoas como “Sanatório Mato Grosso”, entidade que sucedeu.

“Sempre vemos muita preocupação na sociedade com as crianças ou idosos, que merecem, sim, nossa atenção. Mas as pessoas que sofrem com distúrbios mentais muitas vezes são totalmente ignoradas. São literalmente esquecidas, às vezes, até pelas famílias”, afirma a coordenadora do Colmeia Dourada, Maristela Holsback Rocha Brito.

Atualmente, cerca de 160 pessoas passam por tratamento pelo Nosso Lar, por meio do Hospital-Dia ou convênios com o SUS (Sistema Único de Saúde), muitas vezes insuficientes para arcar com as despesas da própria unidade. Com isso, pacientes que não têm condições financeiras, ao deixar a unidade, acabam sem itens básicos de higiene ou mesmo roupas.

Margarida Holsback, do Colmeia Dourada, deu detalhes ao Portal da Educativa sobre a Feijoada em apoio a pacientes do Hospital Nosso Lar. (Foto: Daniela Lima/Portal da Educativa)

Margarida Holsback, do Colmeia Dourada, deu detalhes ao Portal da Educativa sobre a Feijoada em apoio a pacientes do Hospital Nosso Lar. (Foto: Daniela Lima/Portal da Educativa)


“Às vezes temos de fazer as peças porque não podem ter elástico. Mas, em geral, usados a arrecadação para a compra de cobertores, colchões, lençóis e agasalhos. Muitos, quando recebem alta, não têm nem uma roupa para vestir”, disse Margarida. Itens de higiene pessoal também estão entre os produtos adquiridos e doados aos pacientes e famílias.

O Colmeia Dourada começou há 30 anos como um grupo de costura e, logo, chegou a colaboradores e voluntários que unem esforços para minimizar as dificuldades desses pacientes. Além de bazares realizados em datas especiais –Dia das Mães, no meio do ano e no Natal, focados na arrecadação de dinheiro para os atendidos no Nosso Lar–, eles recebem e organizam doações direcionadas para as famílias.

Ajude – A Feijoada da Colmeia Dourada, em favor dos pacientes do Hospital Nosso Lar, será realizada das 11h às 14h30 de 24 de junho na Loja Maçônica Ordem e Progresso (rua Frei Henrique de Coimbra, 70, na Vila Progresso).

Os ingressos para o evento custam R$ 35 e podem ser adquiridos na Livraria Humberto de Campos (rua Maracaju, 250, ao lado do Centro Espírita Discípulos de Jesus). Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 3383-3936, em horário comercial. Colmeia Dourada também recebe na livraria donativos para essas famílias.

(Informações do Portal da Educativa)