Polícia Civil estoura ponto de venda de drogas no Iracy Coelho e apreende 300 kg de maconha

Policiais do GOI monitorou residência na rua Aluvorcas, flagrando movimento constante de pessoas; chegada de “pacote” com 11 kg de maconha levou policiais até casa abandonada usada como depósito no Portal Caiobá, onde grande quantidade de entorpecente foi encontrada.

Investigadores do GOI (Grupo de Operações e Investigações) da Polícia Civil prenderam quatro pessoas sob a acusação de envolvimento em um esquema de venda de drogas no Iracy Coelho, na região do Anhanduizinho, em Campo Grande. As buscas pelo entorpecente ainda levaram as autoridades até uma residência no Portal Caiobá (Lagoa) que funcionaria como “depósito”, no qual foram encontrados mais de 300 kg de maconha.

Segundo informações da Polícia Civil, os investigadores receberam denúncias anônimas sobre a venda de drogas em uma casa na rua Aluvorcas, no Iracy Coelho, passando a monitorar o endereço. Lá, foi visualizado um grande movimento de pessoas, incluindo duas motocicletas que saíam e voltavam da casa, levantando suspeitas sobre a realização de entregas.

Em certo momento, chegou ao local um automóvel Fiat Uno prata, de onde desceram dois homens levando em mãos uma caixa. Uma mulher –que mais tarde descobriu-se ser uma adolescente– permaneceu no veículo. Rapidamente, a dupla que entrou na casa deixou o pacote e deixou o local.

Foi quando se percebeu que na casa havia um homem e uma mulher, que receberam a encomenda. Na sequência, os policiais informaram terem sentido forte odor de maconha vindo da residência, o que motivou a vistoria na moradia. Neste momento, descobriu-se que o pacote entregue pelos homens tinha tabletes da droga.

Veículo volta e leva policiais a depósito de entorpecentes na rua Flora

Decidiu-se então questionar a dupla que estava na casa, identificados como Luiz Fernando da Silva Cavalheiro e Estefanny Monteiro Cavalheiro. Durante a abordagem, o Fiat Uno voltou, sendo abordados os ocupantes –Luiz Gustavo da Silva Cavalheiro e Matheus Ferreira Carlos, além da menor.


Ação do GOI no Iracy Coelho e no Caiobá levou à apreensão de mais de 300 kg de maconha. (Foto: PCMS/Divulgação)
Ação do GOI no Iracy Coelho e no Caiobá levou à apreensão de mais de 300 kg de maconha. (Foto: PCMS/Divulgação)

Após investigações, descobriu-se que uma casa abandonada na rua Flora, no Caiobá, seria usada para esconder mais drogas –uma grande quantidade de maconha foi localizada espalhada no chão e em um baú.

A droga entregue na casa onde teve início a abordagem pesou 11,7 kg, enquanto a apreendida na rua Flora totalizou 316 kg. Os suspeitos foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.

loading...

Humberto Marques

Jornalista, é diretor-geral e editor do jornal Comunidade.MS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *