Processo seletivo para merendeiro atrai 5.500 candidatos, entrega de títulos começa no dia 16

Processo seletivo para merendeiro atrai 5.500 candidatos, entrega de títulos começa no dia 16

12/04/2018 0 Por Humberto Marques

Seleção organizada pela Semed e Secretaria de Gestão de Campo Grande chega à próxima fase, na qual interessados devem apresentar comprovantes de qualificação e experiência. Temporários admitidos terão jornada de 40 horas semanais e salário de R$ 954.

O processo seletivo simplificado da Prefeitura de Campo Grande para a função de merendeiro, convocado em edital publicado em 2 de abril deste ano, atraiu quase 5.500 candidatos. A relação de inscritos foi publicada nesta quinta-feira (12) em suplemento do Diário Oficial de Campo Grande. A seleção, que envolve avaliação curricular e prova de títulos, oferece 100 vagas temporárias, para jornada de 40 horas semanais, e salário de R$ 954.

Diante do alto número de inscritos, que resultaria em uma concorrência de quase 55 candidatos por vaga, a Prefeitura da Capital decidiu dividir os candidatos em grupos com cerca de 500 concorrentes para a entrega dos títulos, organizados em ordem alfabética.

A apresentação dos papéis necessários para a seleção será realizada apenas entre segunda-feira (16), às 8h, e a próxima sexta (20), às 16h30, no Espaço de Formação Lúdio Martins Coelho, na sede da Semed (Secretaria Municipal de Educação), à rua Onicieto Severo Monteiro, 460, Vila Margarida, na região urbana do Prosa.

É importante lembrar que os candidatos devem comparecer ao local na data e horário definido para si no edital de convocação. Clique aqui e confira o suplemento do Diogrande com os nomes dos candidatos inscritos –é necessário um aplicativo que abra arquivos PDF, como o Adobe Reader.

Prova de títulos envolve cursos de qualificação e experiência como merendeiro

A apresentação dos títulos constitui a segunda fase do processo seletivo, que é organizado pela Semed e a Secretaria Municipal de Gestão. O candidato deve comparecer ao local designado portando original e cópia de documento oficial de identificação com foto e a documentação que comprova experiência profissional e participação em eventos de qualificação profissional nas áreas de Alimentação, Nutrição e Culinária.


A prova de títulos terá no máximo 100 pontos, a serem somados a partir dos comprovantes de qualificação e experiência. Serão aceitos certificados de conclusão de curso de Higiene e Manipulação de Alimentos (30 pontos no máximo); de participação em cursos e eventos de qualificação em nutrição e culinária com carga mínima de 10 horas (máximo 20 pontos); e de experiência nas funções de merendeiro ou similar (10 pontos para cada ano trabalhado e 5 para período fracionado entre 6 e 11 meses, até totalizar no máximo 50 pontos).

Das vagas em seleção para merendeiro, 5 são reservadas para pessoas com deficiência

Semed vai contratar 100 merendeiros para atuar em escolas municipais e Ceinfs. Entrega de títulos acontece entre os dias 16 e 20. (Foto: Divulgação)

Semed vai contratar 100 merendeiros para atuar em escolas municipais e Ceinfs. Entrega de títulos acontece entre os dias 16 e 20. (Foto: Divulgação)

Todos os candidatos devem ser alfabetizados e ter mais de 18 anos. Das 100 vagas, 5 são reservadas para pessoas com deficiência –que no ato de apresentação dos títulos deve também entregar documentação comprobatória oficial sobre sua condição.

Os contratados vão atuar no preparo de refeições para alunos das escolas municipais e Ceinfs (Centros de Educação Infantil) de Campo Grande, seguindo a receita e cardápio do dia; distribuir os alimentos conforme normas básicas de nutrição e higiene e em horários indicados; bem como prezar pela organização, manutenção, limpeza e conservação da cozinha, bem como de outros ambientes existentes na unidade escolar.

As tarefas deverão seguir o uso correto das normas de higiene e conservação dos alimentos e manuseio adequado dos materiais e equipamentos da cozinha. Os contratados também serão responsáveis por receber, conferir e armazenar de maneira adequada os gêneros alimentícios, controlando os estoques de produtos utilizados na alimentação escolar.

As inscrições foram feitas pela internet nos dias 5 e 6 de abril deste ano, por meio do portal da prefeitura de Campo Grande.