Rapaz de 22 anos é preso após atirar contra mulher no Batistão

Rapaz de 22 anos é preso após atirar contra mulher no Batistão

23/01/2019 0 Por Humberto Marques

Suspeito foi preso no Guanandi após buscas feitas pelo Batalhão de Choque; autor e vítima teriam saído de um mesmo imóvel momentos antes.

Um rapaz de 22 anos foi preso na madrugada desta quarta-feira (22) no Guanandi –na região do Anhanduizinho, em Campo Grande– sob suspeita de tentativa de homicídio cometida no Jardim Batistão (Lagoa). A vítima, uma mulher de 34 anos, foi socorrida e encaminhada à Santa Casa de Campo Grande, conseguindo dar detalhes sobre o autor do ataque, com quem teria deixado sua casa momentos antes.

Segundo informações do Batalhão de Choque da Polícia Militar, uma equipe fazia rondas pelo Lagoa quando foi informada sobre a tentativa de homicídio registrada no cruzamento da rua Imburus com a avenida Prefeito Lúdio Martins Coelho –entre o Batistão e o Portal Caiobá.

No local, os policiais encontraram a vítima sentada no chão e ferida por disparos de arma de fogo –embora não houvesse vestígios de sangue. Ela não soube dar detalhes sobre a ocorrência, porém, disse que o autor era uma pessoa conhecida como Nicolas, que fugiu em um automóvel Chevrolet Corsa de cor prata.

A equipe do Choque, então, deu início às buscas pelo suspeito. Na casa da vítima, sua irmã disse que ela havia saído com uma pessoa de mesmo nome do autor e que vivia nas imediações. Contudo, Nicolas de Jesus Batista, 22, foi encontrado em uma casa na rua Juruá, no Guanandi, que admitiu a autoria e apontou onde estava a arma usada –um revólver Taurus de calibre .38, com cinco munições intactas e uma deflagrada.

Durante a abordagem, também foram localizadas oito cápsulas .38 intactas. Diante disso, Nicolas foi preso e levado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga, onde foi autuado por tentativa de homicídio –cuja motivação não foi divulgada.